DIAGNÓSTICOS DA AMÉRICA S.A.

CNPJ/ME nº 61.486.650/0001-83

NIRE 35.300.172.507

FATO RELEVANTE

Aporte de Ações da Ímpar Serviços Hospitalares S.A. ao Capital Social da DASA

Em cumprimento ao disposto na Instrução CVM nº 358, de 03 de janeiro de 2002 (“ICVM 358”), conforme alterada, a DIAGNÓSTICOS DA AMÉRICA S.A., sociedade por ações, com sede na cidade de Barueri, Estado de São Paulo, na Avenida Juruá, nº 434, Alphaville, CEP 06455-010, inscrita no Cadastro Nacional da Pessoa Jurídica do Ministério da Economia (“CNPJ/ME”) sob o nº 61.486.650/0001-83 (“DASA” ou “Companhia”), comunica aos seus acionistas e ao mercado em geral que o Conselho de Administração da Companhia aprovou, na presente data, a proposta de aumento do capital social da Companhia a ser integralizado (i) mediante a conferência da totalidade das ações de emissão da Ímpar Serviços Hospitalares S.A., companhia com sede na cidade e Estado de São Paulo, na Avenida Paulista, nº 2028, 8º andar, cj. 81, Bairro Bela Vista, inscrita no CNPJ/MF sob o nº 60.884.855/0001-54 (“Ímpar”) no valor de R$ 10.000.000.054,95 (dez bilhões, cinquenta e quatro reais e noventa e cinco centavos), valor este atribuído pela administração da Companhia às ações da Ímpar que serão contribuídas para a integralização das ações da Companhia a serem emitidas no contexto do aumento de capital, com base em avaliação realizada pelo Banco ABC S.A.; e/ou (ii) em moeda corrente nacional, a fim de acomodar o eventual exercício do direito de preferência por parte dos atuais acionistas da DASA (“Operação”).

A Operação será submetida à aprovação dos Acionistas em assembleia geral convocada nessa data para o dia 22 de novembro de 2019, às 10h e, caso aprovada, a Ímpar passará a ser uma subsidiária integral da DASA. Os Acionistas controladores de DASA (Cromossomo III Participações S.A., Sra. Dulce Pugliese de Godoy Bueno, Sra. Camilla de Godoy Bueno Grossi e Sr. Pedro de Godoy Bueno) decidiram não votar na referida assembleia geral, em razão de serem indiretamente detentores de 97,60% do capital social de Ímpar, inclusive no que toca à aprovação do laudo de avaliação de Ímpar, nos termos nos termos do artigo 115, §1º, da Lei 6.404/76, deixando a decisão acerca da aprovação da Operação aos demais acionistas da Companhia.

A Operação visa facilitar e agilizar o desenvolvimento de novos negócios pelas duas companhias, acelerar inovações tecnológicas e ofertas de serviços em modelo de remuneração diferenciados, bem como identificar oportunidades de melhor otimização de seus recursos, atendendo aos interesses de ambas as sociedades e seus acionistas. A Companhia esclarece, no entanto, que Dasa e Ímpar manterão suas atividades e negócios independentes e autônomos, seguindo suas respectivas trajetórias de sucesso.

Adicionalmente, reportando diretamente ao Sr. Pedro de Godoy Bueno, os diretores gerais (CEOs) de Dasa e Ímpar, Srs. Carlos de Barros Jorge Neto e Paulo Curi Savastano, respectivamente, seguem à frente da liderança operacional das companhias.

A Companhia informa, ainda, que toda documentação referente à Operação encontra-se disponível nas páginas da internet da B3 S.A., da Comissão de Valores Mobiliários – CVM e em sua própria página, e todo e qualquer desenvolvimento referente à Operação será sempre devidamente divulgado.

Barueri, 7 de novembro de 2019.

José Agote

Diretor Financeiro, Administrativo e de Relações com Investidores