Com um gol no último minuto, o Botafogo venceu o Vasco por 1 a 0 neste domingo, no estádio do Engenhão, pela penúltima rodada da fase inicial da Taça Guanabara. A vitória deixa o time de Alberto Valentim dentro da zona de classificação para a semifinal da Taça Guanabara. O Vasco, que entrou em campo com os reservas, já não tem mais chances de ir à próxima fase.

O Botafogo assumiu o segundo lugar no Grupo A, com nove pontos, um atrás do líder Boavista. O Flamengo tem sete e pode ultrapassar o rival, pois jogará nesta segunda-feira contra o Resende. O Vasco está em quarto lugar no Grupo B, com quatro pontos. Na última rodada da primeira fase, as duas equipes entrarão em campo no domingo. O Vasco cumpre tabela contra a Portuguesa, fora de casa, e o Botafogo terá o clássico com o Fluminense, no Maracanã.

O técnico Abel Braga optou por mandar os reservas do Vasco a campo no clássico, pois quis preservar os titulares para o jogo contra o Oriente Petrolero, quarta-feira, em São Januário, pela primeira fase da Copa Sul-Americana. O Botafogo também poupou alguns jogadores, como Carli, Cícero e Pedro Raul por desgaste físico.

Em campo, as equipes fizeram um jogo de baixo nível técnico. Os torcedores das duas equipes vaiaram seus treinadores ao longo do duelo. O primeiro tempo foi mais movimentado. O Vasco acertou a trave do adversário em chute de Vinícius. O Botafogo deu o troco na mesma moeda e acertou a trave do rival por duas vezes. Primeiro, com Bruno Nazário em cobrança de falta. Ainda antes do intervalo, Luis Henrique tabelou com Bruno Nazário e também ficou no quase.

No segundo tempo a partida caiu ainda mais. Além da desorganização das equipes, na etapa final praticamente não houve oportunidades criadas, mesmo com a entrada do Vasco de alguns titulares, como Talles Magno. A exceção ficou para o último minuto. Em um rápido contra-ataque Bruno Nazário avançou pela esquerda e rolou para o meio da área. Igor Cássio bateu, Lucão fez a defesa, mas a bola voltou no peito do centroavante e entrou: 1 a 0.

FICHA TÉCNICA:

BOTAFOGO 1 x 0 VASCO

BOTAFOGO - Gatito Fernández; Fernando, Marcelo Benevenuto, Kanu e Guilherme Santos; Thiaguinho, Alex Santana (Caio Alexandre) e Bruno Nazário; Luiz Fernando (Rhuan), Rafael Navarro (Igor Cássio) e Luís Henrique. Técnico: Alberto Valentim.

VASCO - Lucão; Cayo Tenório, Ulisses, Miranda e Alexandre Melo; Marcos Júnior, Andrey e Juninho (Caio Lopes); Tiago Reis, Ribamar (Marrony) e Vinicius (Talles Magno). Técnico: Abel Braga.

GOL - Igor Cássio, aos 44 minutos do segundo tempo.

ÁRBITRO - Alexandre Vargas Tavares de Jesus.

CARTÕES AMARELOS - Benevenuto, Caio Alexandre e Igor Cássio (Botafogo); Ulisses, Alexandre Melo e Caio Lopes(Vasco)

PÚBLICO - 12.862 pagantes

RENDA - R$ 241.940,00

LOCAL - Estádio Engenhão, no Rio de Janeiro (RJ).