Um dia antes de o Flamengo enfrentar o Internacional no confronto de volta das quartas de final da Copa Libertadores, nesta quarta-feira, às 21h30, no Beira-Rio, o zagueiro espanhol Pablo Marí defendeu nesta terça a presença do volante Cuéllar na equipe carioca que será escalada pelo técnico Jorge Jesus em Porto Alegre.

O jogador colombiano foi reintegrado pelo clube na segunda-feira, depois de ter sido inicialmente afastado por tempo indeterminado na última sexta. O afastamento ocorreu após o atleta se recusar a viajar para Fortaleza, onde o time derrotou o Ceará por 3 a 0, no domingo, no Castelão, e assumiu a liderança do Campeonato Brasileiro.

E a reintegração de Cuéllar aconteceu também após o treinador português admitir que seria importante poder contar com o colombiano na capital gaúcha, pois Willian Arão, outro volante experiente do time, está suspenso por causa do terceiro cartão amarelo.

Ao comentar o assunto nesta terça-feira, Pablo Marí afirmou, em entrevista coletiva onde a delegação flamenguista está hospedada em Porto Alegre, que o colombiano poderá ser importante para o clube assegurar classificação às semifinais da Libertadores. No duelo de ida do mata-mata, realizado na semana passada, o time rubro-negro venceu por 2 a 0 e, com isso, poderá até perder por um gol de diferença para avançar na competição.

"Para nós o Cuéllar é um companheiro a mais, precisamos dele para a equipe. É primordial, sabemos que é um grande jogador", disse o defensor espanhol, destacando que deu as "boas-vindas" ao colombiano após o jogador ser reintegrado ao elenco. "Ele chegou ontem (segunda-feira) e, se está disponível para jogar, será importante, pois precisamos de todos", reforçou.

Já ao comentar sobre a pressão que o Flamengo vai enfrentar no Beira-Rio, que estará lotado por mais de 48 mil torcedores nesta quarta-feira, Marí disse que o seu time está pronto para seguir em frente na Libertadores. "O Inter vai jogar em casa, com o apoio de sua torcida. Será importante pra eles, mas estamos tranquilos, sabemos o clima que vai ser. Temos que nos concentrar em fazer uma grande partida e nos atentar somente no que acontecerá dentro das quatro linhas", enfatizou.

"A atmosfera tanto na Libertadores, quanto no Brasileirão, são muito interessantes. Libertadores é um plus a mais, algo que a torcida quer conquistar muito. É muito bonito de ver, de se jogar e vamos com muita garra em busca da classificação amanhã", reforçou.

O time do Flamengo vai realizar na tarde desta terça-feira, em Porto Alegre, o seu último treino de preparação para o duelo de volta das quartas de final.