O Guarani apresentou nesta terça-feira o reforço mais badalado da equipe para a disputa do Campeonato Brasileiro da Série B. Após o rebaixamento com o São Bento no Campeonato Paulista, o atacante Éder Luís chega ao time com a ambição de dar a volta por cima na temporada 2019. Ele, inclusive, negou qualquer comparação com Thiago Ribeiro, veterano que deixou a equipe para reforçar o Bragantino, que teve a sua gestão assumida pelo Red Bull Brasil.

"Cada um tem sua característica. Foi um momento que deu certo, e por isso que ele saiu pelas portas da frente. Isso que é bom. É difícil falar em comparações, estou chegando e com certeza vou contribuir com as minhas características, dar o meu melhor. Espero que a equipe se encaixe como se encaixou, que com certeza ele não fez sozinho. Ele teve um suporte dos outros jogadores e aí apareceu a qualidade dele, que é indiscutível", disse o atacante.

Éder Luis também fez uma breve análise do elenco do Guarani, que chegou a brigar por uma vaga nas quartas de final do Paulistão, mas acabou eliminado no grupo em que avançaram Palmeiras e Novorizontino. "Uma equipe que encarou o Paulista como tinha que encarar. Campeonato rápido, curto. Se você não tiver um aproveitamento em três, quatro jogos fica difícil. E demonstrou que é um time que briga muito, que joga cada jogo como se fosse única. Pena que não conseguiu a classificação. É uma base que tem condição, que demonstrou que pode confiar", frisou.

Com 34 anos, o atacante se colocou à disposição para o confronto diante do Figueirense, marcado para sábado, às 16h30, no Estádio Brinco de Ouro da Princesa, para a estreia do time na Série B do Campeonato Brasileiro.

"O maior problema vai ser a comunicação. Não estamos entrosados, mas estamos bem. Estava treinando forte, fisicamente não tem problema. Vai depender do Eutrópio para que no momento certo, tento a oportunidade, estar preparado. Vamos entender que eu não vim para ser titular e sim para disputar posição", falou.

Com passagens por Atlético-MG, São Paulo, Vasco, Ceará, Red Bull Brasil e São Bento, Eder Luis explicou o que se pode esperar dele nesta Série B. "Nunca fui de fazer muitos gols. Tive um momento muito bom no Atlético-MG, mas ser artilheiro eu nunca fui. Vou demonstrar no dia a dia, nos jogos, a responsabilidade que estou tendo. Importante não só o Éder, mas toda equipe estar bem. Vamos disputar um campeonato difícil, e o individual pode aparecer", encerrou.