O Banco Central da Austrália (RBA, pela sigla em inglês) decidiu nesta terça-feira manter sua taxa básica de juros na mínima histórica de 1%, mas deixou a porta aberta para novos cortes de juros nos próximos meses caso o mercado de trabalho do país se enfraqueça e choques globais ameacem o crescimento econômico.

"É razoável esperar que um período de baixas taxas de juros seja necessário na Austrália para se fazer progresso na redução do desemprego", disse o presidente do RBA, Philip Lowe, em comunicado. "As disputas comerciais e tecnológicas estão afetando os fluxos de comércio e investimentos internacionais, à medida que as empresas recuam em planos de gastos devido ao aumento das incertezas", acrescentou.

O RBA reduziu sua taxa básica em junho e julho e já havia indicado anteriormente que precisava de tempo para avaliar o impacto dos cortes recentes. Fonte: Dow Jones Newswires.